CidTiradentes.com - 16_09_2016-por-mes-inss-vai-reavaliar-75-mil-segurados-que-recebem-o-auxilio-doenca

Por mês, INSS vai reavaliar 75 mil segurados que recebem o auxílio-doença

As convocações para quem tem menos de 39 anos de idade estão sendo feitas por carta

Artigo visto por 2202 pessoas.

Por mês, INSS vai reavaliar 75 mil segurados que recebem o auxílio-doença

Fotografia: As convocações para a reavaliação no INSS já começaram Antonio Cruz/ABr

O INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) já enviou o primeiro lote de cartas convocando 75 mil segurados que precisam fazer a reavaliação do auxílio-doença. De acordo com o governo, foram chamados os beneficiários com menos de 39 anos de idade e que recebem o pagamento há mais de dois anos sem nenhuma reavaliação médica.

Até março de 2017, serão convocados cerca de 75 mil segurados por mês que serão reavaliados no programa de revisão, o chamado pente-fino, para identificar pagamentos indevidos. 

Por lei, o INSS deveria fazer a reavaliação de dois em dois anos para verificar se os segurados continuam incapazes para o trabalho. Mas, como faltam médicos e vagas nas agendas de perícias, o instituto nunca fez essa verificação dentro do prazo previsto na regra de concessão dos benefícios.

Para dar conta das 530 reavaliações que deverão ser feitas até março, o INSS instituiu um prêmio no valor de R$ 60 por exame para os peritos. Dos 4,2 mil médicos do INSS, 2,5 mil aceitaram a propostas e vão participar do programa de revisão, que prevê até mutirões aos sábados.  A partir de março, serão avaliados também os segurados que recebem a aposentadoria por invalidez, concedida pela Justiça e que estão há mais de dois anos sem um novo exame.

A expectativa do governo é economizar até R$ 126 milhões por mês na folha de pagamento do INSS com o corte dos benefícios irregulares que deverão ser identificados no pente-fino.

Ao ser convocado por carta, o segurado terá um prazo de cinco dias para ligar no telefone 135, a central de atendimento do INSS, e marcar a data da perícia. Os médicos do INSS vão reservar até quatro horários por dia para as reavaliações.

De acordo com o INSS, o agendamento e a convocação da revisão de auxílio-doença e das aposentadorias por invalidez obedecerão a critérios, entre os quais, a idade do segurado – da menor para a maior, e o tempo de manutenção do benefício, do maior para o menor. Assim, serão chamados primeiro os segurados mais jovens e  que recebem o benefício há mais tempo.

 

 

Via : noticias.r7.com




Notícias

Vagas de Emprego

Cultura



Emblues Beer Band traz o melhor do Blues e Folk ao CFCCT

Embeer Blues Band

LOCAL: Centro de Formação Cultural de Cidade Tiradentes

Avenida Inácio Monteiro, 6900. Barro Branco/ Vila Yolanda – Teatro (3° piso)
QUANDO: Dia 18/06 (domingo), às 19h

CLASSIFICAÇÃO: Livre
ENTRADA FRANCA (GRATUITO)

Anuncie Aqui

Sua empresa aparecendo para milhares de pessoas!

Encontre no Facebook